AGB-Campinas recebe vencedora do concurso para identidade gráfica do 20º Encontro Nacional de Geógrafos

A AGB-Campinas, representada pelo seu diretor presidente Prof. Dr. Vicente Eudes Lemos Alves e pelo tesoureiro Gustavo Teramatsu, recebeu nesta quinta-feira, 10 de outubro, a doação do desenho original de autoria da geógrafa Érica Rodrigues Soares que inspirará a identidade visual do XX Encontro Nacional de Geógrafos. A arte foi escolhida em concurso nacional realizado em setembro, tendo recebido quase metade dos votos (48,2%), e passará a compor o acervo da AGB-Campinas.

View this post on Instagram

arte do XX ENG – São Paulo, 2020. por @ericartss

A post shared by AGB-Campinas (@agbcampinas) on

Érica comentou o conceito do desenho, que alude ao tema Brasil-Periferia: A geografia para resistir e a AGB para construir. A adaptação da Mão de Niemeyer, exposta no pátio do Memorial da América Latina, representa a cidade de São Paulo – sede do evento, que acontecerá de 13 a 17 de julho de 2020 e também sede da AGB, fundada naquela cidade há 85 anos, em 1934. Mas aqui, a mão não está ao alto, rendida, mas com punhos cerrados, simbolizando também a luta e a resistência, “para que assim possa ser construída uma AGB combativa e que a Geografia resista nesse contexto político e histórico em que vivemos”, explicou.

O punho também faz referência à América Invertida de Joaquín Torres García e às Veias Abertas da América Latina de Eduardo Galeano. Também compõe a obra o morro, representativo da paisagem periférica das metrópoles brasileiras, onde se expõe a bandeira do Brasil, símbolo nacional cujo lema positivista – ordem e progresso – também pode ser problematizado a partir da Geografia.

Em uma animada conversa, Érica, recém-licenciada em Geografia pela Unicamp, contou sobre seu trabalho e projetos futuros. Formou-se na ETEC Bento Quirino e técnica em Geodésia e Cartografia no Colégio Técnico de Limeira. Aprovada também no vestibular para o curso de Imagem e Som da UFScar, na graduação, passou pelo ProFis, antes de cursar Geografia. Com experiência na Embrapa, no GeoPibid e também junto ao projeto Geoideias, tem trabalhado como professora na rede particular e no cursinho popular do Sindicato dos Trabalhadores da Unicamp. Participa do processo seletivo do Mestrado em Educação na Unicamp. Nesse ponto, discutiu-se a potência do conceito de paisagem para aproximar a Geografia da arte, por meio do cinema. Paisagem uniu arte e ciência desde Humboldt, em seus Quadros da Natureza.

Érica produz cadernos com desenhos, hand lettering e encadernação artesanal, em trabalhos que divulga em seu instagram, @ericartss. Em 2018, ela fez cadernos personalizados para o I Seminário do Núcleo de Estudos Ambientais e Litorâneos (SPNeal), que teve apoio da AGB-Campinas.

https://www.instagram.com/p/BoDCWGvF4B_/

A obra de Érica estará presente no site do ENG e demais materiais gráficos do evento – cartazes, banners, caderno de programação, anais, kit dos encontristas. Desde já, a escolha de seu desenho nos anima a participar do XX ENG ao lado de geógrafas e geógrafos de todo o Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *