Logística e competitividade no circuito espacial produtivo do etanol no Brasil

  • João Humberto Camelini Universidade Estadual de Campinas
  • Ricardo Castillo Universidade Estadual de Campinas

Resumo

Este artigo apresenta uma análise das relações existentes entre os principais agentes envolvidos no circuito espacial produtivo do etanol de cana-de-açúcar, evidenciando aspectos determinantes no direcionamento do atual processo de expansão desta atividade produtiva no território brasileiro, com o objetivo de suprir a nova demanda potencial por este produto. Para tanto, destacam-se elementos relacionados à logística e a formação de regiões com elevada competitividade, nas quais pode haver comprometimento da diversidade produtiva, conduzindo a quadros de vulnerabilidade territorial.
Publicado
2012-11-19
Seção
Artigos