O fazer geográfico em busca de sentidos ou a geografia em diálogo com a sociologia do tempo presente

  • Catia Antonia da Silva UERJ

Resumo

Diante das mudanças sociais e econômicas assim como da crise societária e política da contemporaneidade, que se acompanham de grandes mutações na produção social do espaço, é imprescindível que se discuta não só o papel das ciências nesse processo, mas ainda o modo como no presente se faz geografia. No cotidiano da prática geográfica é um desafio compreender as possibilidades metodológicas e a produção de conceitos sob a perspectiva da interdisciplinaridade. Procura-se aqui, mediante análise interdisciplinar, expor a importância que a obra da socióloga Ana Clara Torres Ribeiro tem para o enriquecimento do diálogo entre a sociologia e a geografia. Este artigo se divide em três seções. A primeira traz questionamentos acerca das implicações e dos desafios do fazer científico. A segunda problematiza os limites de rotinizar e racionalizar o fazer da ciência geográfica. E, mostrando no que Ana Clara Torres Ribeiro contribui para este, a terceira seção apresenta os contextos sociais e políticos e produção teórica que favorecem a colaboração interdisciplinar entre a geografia e a sociologia.

Biografia do Autor

Catia Antonia da Silva, UERJ
Professora do Departamento de Geografia e do Programa de Pós-Graduação em História Social da Faculdade de Formação de Professores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro
Publicado
2012-11-19
Seção
Artigos