Mineração e ambiente: o caso dos mineradores artesanais e da empresa Minas Moatize Ltda., no município de Moatize, Província de Tete - Moçambique

Ringo Benjamim Victor, Manuel Alcandra

Resumo


Esse artigo propõe-se a analisar os impactos socioeconômicos e ambientais decorrentes da exploração mineira pelos operadores artesanais e a empresa Minas Moatize Ltda., no município de Moatize, localizado na Província de Tete, em Moçambique. Os resultados da pesquisa evidenciam que a forma como é feita a exploração do carvão mineral na área de estudo ameaçam a conservação e perpetuação deste recurso a curto, médio e longo prazo, em virtude da acentuada degradação paisagística que se caracteriza pela remoção da cobertura vegetal e sua consequente destruição, fragmentação de habitats, erosão, emissão de poeiras, geração de ruído e destruição da própria jazida por incêndio, fato que exacerbará a pobreza e miséria em vez do bem-estar de que se desejam. Os procedimentos metodológicos aplicados para a realização do mesmo basearam-se na pesquisa bibliográfica, observação direta, entrevista informal e método cartográfico com ênfase a técnicas de geoprocessamento em ambiente de ArcGIS, versão 10.3.

Texto completo:

PDF


ISSN: 2236-3637