Constituição e difusão do sistema universitário na rede urbana da província de Buenos Aires e na Ciudad Autónoma de Buenos Aires (Argentina)

  • Ignacio Celis Marín CONICET e Universidad de Buenos Aires

Resumo

No período contemporâneo, a divisão territorial do trabalho exige das universidades novas especializações e formação técnica, renovando os conteúdos e a relação entre o sistema universitário e a rede urbana. Neste sentido, observamos que a província de Buenos Aires e a cidade de Buenos Airesse constituem como a porção do país onde essa relação se manifesta mais intensamente. Essa densidade universitária é consequência de uma difusão do ensino superior na rede urbana, caracterizada por uma especialização e desconcentração interna da metrópole de Buenos Aires, e uma capilarização do sistema universitário em cidades médias e pequenas a partir das “extensões de salas de aula”, educação àdistância e pequenas sedes universitárias dispersas no território. Assim, uma nova geografia da educação universitária é estabelecida, atuando de forma solidária e diferenciada na organização do território.

Biografia do Autor

Ignacio Celis Marín, CONICET e Universidad de Buenos Aires

Geógrafo formado pela Universidad de Concepción, Chile. Atualmente trabalha na tese “Divisões territoriais do trabalho, urbanização y difusão do sistema universitário na área concentrada da Argentinab”, sob a orientação de María Laura Silveira, com uma bolsa de doutorado do Consejo Nacional de Investigaciones Científicas y Técnicas (CONICET), no Instituto de Geografía “Romualdo Ardissone”, Facultad de Filosofía y Letras da Universidad de Buenos Aires.

Publicado
2019-05-25
Seção
Artigos